Browse Items (86 total)

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000106-JB-IMG-web.JPG
A Glicínia é uma trepadeira perene de folha caduca. Pode crescer até 30 m de comprimento, usando como apoio árvores. As folhas são compostas - pinuladas, brilhantes, verde. As flores são brancas, violetas ou azuis e produzem racemos que podem…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000105-JB-IMG-web.JPG
O folhado é um arbusto de folha persistente que pode atingir os 7m de altura, com uma copa densa e redonda. As folhas são inteiras e distribuidas em pares de forma oposta. As flores são brancas, produzindo uma densa cimeira no inverno. O fruto é…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000104-JB-IMG-web.JPG
Detalhe dos frutos da Murta. O fruto é uma baga elipsoide, azul escuro ou preto, e contem inumeras sementes.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000103-JB-IMG-web.JPG
A Murta é um arbusto de folha persistente da familia do Eucalipto (Myrtaceae) e pode crescer até aos 5m de altura. As folhas são inteiras, ovadas-lanceoladas e coriáceas. As flores normalmente têm 5 pétalas brancas e uma elevado numero de…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000102-JB-IMG-web.JPG
O metrosideros é uma planta de folha persistente da familia da Murta e do Eucalipto (Myrtaceae). Esta árvore pode crescer acima dos 25m,. Usualmente cresce como uma árvore de multi-troncos. O tronco e ramos estão algumas vezes cobertos por…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000101-JB-IMG-web.JPG
Floração ocorre de Novembro a Janeiro com um pico no fim de Dezembro com um brilhante coberto de flores.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000100-JB-IMG-web.JPG
Arbusto lenhoso que pode atingir os 5m de altura. Existe várias variedades e formas com flores grandes ou pequenas, com pétalas lisas ou encaracoladas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000099-JB-IMG-web.JPG
As flores deste arbusto são de um amarelo ouro quando jovem e de cor de pêssego quando maduras e são muito aromáticas. As folhas são largas com uma nervasão vincada. O arbusto é venenoso e não deve ser consumido. Esta espécie pode crescer…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000098-JB-IMG-web.JPG
A Centaurea sphaerocephala L. ssp. polyacantha (Willd.) Dostál é uma planta perene, semelhante a um cardo. As Folhas "peludas" podem exibir várias formas. As folhas (em capítulo) são largas, tubulares e de um vistoso rosa-purpuro. Esta planta…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000097-JB-IMG-web.JPG
Epifita que pode chegar aos 30m de altura. Como todas as figueiras tem obrigatoriamente um mutualismo com vespas, para a reprodução.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000096-JB-IMG-web.JPG
Detalhe dos frutos. Os figos são suculentes e comestiveis, normalmente comestíveis pelos aborigenes locais (Austrália). Têm cerca de 1,5cm comprimento e são cobertos por densos "cabelos". O nome comum da espécie deriva do facto das folhas serem…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000095-JB-IMG-web.JPG
O sicómoro pode atingir mais de 20m de altura e 6m de largura coberto por uma densa coroa de ramos. As folhas têm forma de coração de ápice redondo. Os frutos (figos) são comestiveis.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000094-JB-IMG-web.JPG
Esta espécie é uma árvore de folha caduca, com folhas ovadas a elipticas, codiformes na base.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000093-JB-IMG-web.JPG
Esta palmeira pode atingir acima de 20m de altura. O espique está coberto com as bases das folhas. Com a idade o espique assenta numa massa de estruturas expostas semelhantes a raízes.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000092-JB-IMG-web.JPG
A Inflorescência é interfoliar, larga e muito ramificada e coberta por espatas cimbiformes. Florescem de Abril a Maio.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000091-JB-IMG-web.JPG
Detalhe do fruto (drupa ovóide, amarelo a laranja)

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000090-JB-IMG-web.JPG
Esta palmeira pode crecer acima dos 20m de altura. O espique é robusto e possui no seu topo uma coroa de folhas pinuladas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000089-JB-IMG-web.JPG
Detalhe do tronco. Pode atingir os 1-3m de diâmetro.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000088-JB-IMG-web.JPG
O Taxodium mucrobatum Ten. é uma espécie de folha persistente, que pode atingir os 40m de altura. As folhas estão dispostas em espiral , mas torcinadas na base horizontalmente em duas filas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000087-JB-IMG-web.JPG
Espécie de folha caduca que pode crescer acima dos 20m. Tipu tem uma flor amarela e sementes "voadora"

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000086-JB-IMG-web.JPG
Esta tília tem folhas alternadas simples. As flores são pequenas, aromáticas, amarelo-brancas e e estão organizadas em aglomerados pendentes. O fruto é pequeno, redondo e tomentoso.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000085-JB-IMG-web.JPG
Esta espécie é uma árvore de folha caduca e pode atingir os 40m de altura. O chá é feito a partir das flores e tem efeito contra o stress.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000084-JB-IMG-web.JPG
As raízes desenvolveram um sistema de captura de óxigénio atmosférico, os pneumatóforos, que são extenções da raiz que veêm á superficie da água. É uma adaptação ao encharcamento.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000083-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das folhas. São folhas lineares que crescem em troncos deciduos. A sua madeira é resistente a térmitas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000082-JB-IMG-web.JPG
uma espécie endémica da América do Norte. Estas árvores podem crescer acima dos 45m e vivem em pântanos.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000081-JB-IMG-web.JPG
Detalhe do tronco. O tronco desta espécie pode atingir os 30cm De espessura e é esponjoso, protegendo desta forma a planta contra incêndios e permitindo a acumulação de água. Também, tem taninos como protecção contra herbivoria e doenças.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000080-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das pinhas e folhas. A densa copa permite a captura de "chuvas ocultas" no habitat natural, reduzindo a perda de água através da transpiração e evaporação.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000079-JB-IMG-web.JPG
Sequoia sempervirens é uma gimnospérmica que pode viver mais de 2000 anos e atingir mais 100m de altura.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000078-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das flores e folhas. Esta espécie pode crescer acima dos 2m e distribui-se naturalmente na região mediterrânica. As folhas são aromáticas, lineares com margem enrolada. As flores são bilabiadas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000077-JB-IMG-web.JPG
Este bambu tem potencial de se espalhar rapidamente. As raízes ou brotos são formados nos rizomas, crescem verticalmente e produzem de bambus jovens. A reprodução sexual pode levar séculos para acontecer e, geralmente, os bambus morrem depois.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000076-JB-IMG-web.JPG
Detalhe da flor. Flores de um rosa escuro com muitos estames amarelos.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000075-JB-IMG-web.JPG
O fruto consiste em 1-5 folículos grandes e divergentes lateralmente. As sementes são grandes, carnudas e vermelhas e quando maduras tornam-se pretas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000074-JB-IMG-web.JPG
Herbácea rara e perene, que pode atingir 60cm de altura, com folhas compostas e flores vistosas cor-de-rosa.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000073-JB-IMG-web.JPG
Os frutos parecem pinhas onde estão sementes vermelhas. Wuando maduras, as sementes pendem por um fio, semelhante a teias de aranha.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000072-JB-IMG-web.JPG
As flores da magnólia são grandes (25cm), muito aromáticas e produzem grande quantidade de pólen. A polinização é realizada por besouros.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000071-JB-IMG-web.JPG
A magnólia é uma árvore de folha persistente que pode atingir os 30m. As folhas são coreáceas e brilhantes, revestidas com cera que impede a perda de água e facilita a reflexão da luz solar.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000070-JB-IMG-web.JPG
O jacarandá pode crescer até aos 15m, com paniculos longos de flores azul-roxo.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000069-JB-IMG-web.JPG
As folhas têm 5-12cm de comprimento e têm formas diferentes dependendo do grao de maturação. Os frutos são drupas vermelhas, que amadurecem no final do Outono e são amargas.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000068-JB-IMG-web.JPG
O azevinho é uma árvore de folha persistente que pode crescer acima dos 25m de altura. As folhas são lustrosas, verde escuras e com espinhos na margem.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000067-JB-IMG-web.JPG
Ginkgo é uma das poucas gimnospérmicas de folha caduca. Possui folhas bi-lobadas, em forma de leque e com nervação dicotómica. No outono possui uma cor amarela.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000066-JB-IMG-web.JPG
Esta imagem mostra o detalhe das folhas e sementes. O Ginkgo é uma espécie dióica (com produção de pólen e sementes em árvores diferentes). As sementes têm forma de bagas e são cobertas por uma camada carnura e branca com ácido butanóico,…

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000065-JB-IMG-web.JPG
Um verdadeiro "fóssil vivo" que sobreviveu desde a Era Paleozoica. Árvores desta espécie sobreviveram á bomba atómica de Hiroshima e são o simbolo da esperança e paz.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000064-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das folhas. As Folhas são amplamente ovadas e com uma goteira terminal, que impede a acumulação de água, evitando tanto o desenvolvimento de fungos, bem como o encaminhamento da água para as raízes.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000063-JB-IMG-web.JPG
A Eritrina é muito popular devido ás flores vermelhas. É uma árvore de folha caduca e pode atingir os 12m de altura dependendo do clima e das condições do solo.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000062-JB-IMG-web.JPG
As flores aparecem antes das folhas e são semelhantes a uma crista de galo. A Floração inicia no inverno e atravessa a primavera.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000061-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das sementes da Eritrina. Os frutos são vagens escuras e cilindricas que se abrem para deixar cair a semente vermelha.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000060-JB-IMG-web.JPG
Detalhe das folhas e flores do dragoeiro. É uma espécie de floração lenta, s´floresce ao fim de 20 ou 30 anos de idade.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000059-JB-IMG-web.JPG
Esta espécie é considerada "Vulnerável" devido principalmente á produção de "Sangie-de-Dragão" usando a resina vermelha, também devido á destruição do seu habitat natural.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000058-JB-IMG-web.JPG
A figura mostra a ramificação dicotómica que ocorre no dragoeiro. Esta árvore pode atingir os 18m.

http://www.arca.museus.ul.pt/ArcaSite/obj/jb/MUHNAC-0000057-JB-IMG-web.JPG
Detalhes das folhas do dragoeiro. As folhas são lanceoladas, estreitas e rigidas, dispostas num tufo denso no fim de cada ramo. Detalhe da base da folha, mostrando a resina vermelha.
Output Formats

atom, dc-rdf, dcmes-xml, json, omeka-json, omeka-xml, rss2